25 janeiro 2011

Além da Vida

Hereafter – Clint Eastwood – 2010 (Cinemas)

Todos nós iremos morrer. Dessa verdade ninguém escapa. Então mais do que curiosidade, essa atração pelo o que vem depois é absolutamente inerente ao ser-humano. E como tudo que envolve o desconhecido existem aqueles que exploram isso para ganhar dinheiro, e outros que fazem um trabalho muito bonito, principalmente em relação aos parentes do que já partiram.

Clint Eastwood está, obviamente, nos que fazem um trabalho bonito.

E numa cena em especial ele deixa isso claro, e também serve de exemplo, é quando a personagem de Matt Damon que interpreta um médium recebe o garoto Marcus que acabara de perder o irmão gêmeo. Desesperado por não mais ter o irmão do lado, Marcus procura uma resposta, o vidente perde o contato com o morto, mas acaba por lhe deixar uma mensagem positiva que o menino procurava ouvir.

E assim o cineasta também faz com seus espectadores, não tem como não deixar o cinema carregando um sentimento bom, e de quebra maravilhado com a trilha sonora, composta por ninguém menos que o próprio Clint. Se a melhor trilha do ano passado foi de Ennio Morricone em Baarìa (2009), a desse ano é de seu amigo Clint Eastwood, e o ano acabou de começar.

2 comentários:

cinefilapornatureza disse...

Essa cena que você citou é de quebrar o coração de qualquer pessoa... Eu estou no time de que Clint, com este filme, fez um trabalho MUITO bonito.

Otavio disse...

Clint não erra!