23 maio 2011

Violência Gratuita

Funny Games – Michael Haneke – 1997 (VHS)

Anna vai até a porta de entrada e encontra Paul, que se diz amigo da vizinha, a Sra. Berlinger, e que precisa de 4 ovos para ela. Anna prontamente atende o jovem e quer saber para que precisa de 4 ovos, Paul não faz idéia. Ele usa trajes de golfista, inclusive com luvas brancas. Paul agradece e se dirige a porta, enquanto Anna guarda os restantes dos ovos na geladeira e se espanta com o barulho do estranho saindo, vai até a porta e encontra Paul agachado com os ovos no chão quebrados, visivelmente constrangido. Anna tenta consolar e volta à cozinha. Paul se ergue e dá uma olhada na casa. Anna volta trazendo um pano para limpar.

Depois de feito o serviço retornam a cozinha para jogar fora a sujeira. Paul fica a espera de novos 4 ovos, Anna fica constrangida e tenta inventar uma desculpa de que um desfalque de 8 ovos seria problemático para ela e a família, e que ainda poderiam receber convidados, mas Paul fica irredutível e parado na cozinha com a cabeça apontando para a geladeira.

Anna se rende e pega mais 4 ovos, mas dessa vez acha melhor embrulhá-los. Paul, o desastrado, novamente faz mais uma besteira, derruba o telefone sem fio dentro da pia. Anna começa a se estressar e pede que Paul vá embora antes de destruir toda a casa, porém Paul lembra que ela iria embrulhar os ovos.

Anna volta a embrulhá-los e entrega nas mãos de Paul, ele se desculpa mais uma vez e sai. Anna fica aliviada, se encosta no armário e ri. Pega mais uma vez o telefone e o joga dentro da bolsa, de onde tira um cigarro.

Mal sabia ela que o jogo de Michael Haneke só tinha começado...

Curta o Museu do Cinema no facebook.

2 comentários:

cinefilapornatureza disse...

Não assisti à produção original, e sim à refilmagem que o próprio Haneke dirigiu, que pouco me agrada, pra ser bem sincera.

Victor Nassar disse...

Novidade pra mim. Não assisti nenhuma das versões dele. Por sinal, único filme dele foi Cachê. Vamos ver se encontro algum link por aqui com esse.