06 janeiro 2011

Tio Boonmme, que Pode Recordar suas Vidas Passadas

Lung Bunmi Raluek Chat – Apichatpong Weerasethakul – 2010 (Cinemas)

Vous pouvez aller travailler maintenant.

Começando pelo terror, passando pela comédia e terminando no onírico, assim podemos definir o vencedor de Cannes 2010, Tio Boonmme, que Pode Recordar suas Vidas Passadas.

Sua inesperada vitória em Cannes deve-se ao presidente do júri, o cineasta norte-americano Tim Burton, dá pra imaginar ele aliciando o resto do júri para agraciar o filme. Tio Boonmme é a cara de Burton.

Um dos grandes trunfos do diretor tailandês Apichatpong Weerasethakul (ctrl+c ctrl+v) são suas câmeras estrategicamente posicionadas e estáticas, assim ele consegue assustar criativamente, fazer graça em certos momentos e imprimir um ritmo lento. Obviamente que isso vai de encontro a geração fast life, mas é muito bom saber que ainda se faz filmes assim, mesmo que na Tailândia.

Você pode ir pro trabalho agora.

3 comentários:

Kamila disse...

Não assisti ainda, mas pelo capricho do cartaz e pelo seu texto me parece ser um filme bem realizado.

Museu do Cinema disse...

Com certeza Kamila, dificil apontar um erro.

Pedro Henrique disse...

Maravilha, Cassiano! Filmaço!