16 março 2009

O Visitante

The Visitor – Thomas McCarthy – 2007 (Cinemas)

Assim como o cinema, a música tem o dom de transformar as pessoas. É esse o grande mote de O Visitante, que tem no elenco o reconhecido ator, e pela primeira vez num filme de destaque, Richard Jenkins.

Jenkins interpreta um professor viúvo desanimado e carrancudo que recebe a ordem de ir à Nova Iorque representar sua colega. Com uma residência na cidade, ele toma um susto ao se deparar com o casal de imigrantes ilegais morando no seu apartamento.

Obviamente que a película toca fundo no que virou os EUA após o 11 de setembro, mas também se divide com a mudança na vida do professor Walter Vale, a personagem de Richard Jenkins. Portanto a produção é dividida entre as aberrações cometidas pelo governo norte-americano em nome da segurança nacional, e a transformação que acontece com o amargurado e frio docente através da música.

E uma cena em especial capta todo esse momento, é quando Walter recebe lições de piano com uma professora, já bem idosa. A aula monótona e parada mostra-se aborrecida. No final, ao se despedir, ele avisa que não terão mais aulas, que ele procuraria outra pessoa para ensinar-lhe. Ela entende, mas prognóstica: quando você resolver desistir, eu quero comprar seu piano.

4 comentários:

Kamila disse...

Eu quero muito assistir a este filme, Cassiano. Pelo seu texto, dá para perceber que você gostou bastante de "O Visitante". E o Richard Jenkins, finalmente, obteve o reconhecimento que merecia. Ele é um ótimo ator.

Ramon disse...

Bela obra!
Adorei a abordagem ao tema; ao invés de ficar xingando a intolerância americana quanto aos imigrantes o filme mostra o lado positivo de aceitar a interação de outros povos.

Abs!

Museu do Cinema disse...

Kamila, o Jenkins é bom ator, mas só isso. A indicação foi forçada demais.

Ramon, é bem por ai!

Vinícius P. disse...

Já eu achei a indicação do Jenkins mais do que merecida, acho que ele tem uma performance sem grandes exageros que convenceu completamente.