19 março 2009

Mulheres Cineastas

Como março é o mês das mulheres, o Museu resolveu homenageá-las de uma forma interessante, lembrando das cineastas que abrilhantam o cinema. Temos poucas é verdade, mas percebe-se pela listinha que a qualidade é imensa. E que venham mais, quem sabe até para fulgurar na nossa famosa Sala Vip.Sofia Coppola
Ela participou de O Poderoso Chefão (1972) ainda bebê, mas foi reconhecida mesmo competindo com o papai Francis. Alguns dizem que ela é até melhor que ele. Maria Antonieta (2006), Encontros e Desencontros (2003) e As Virgens Suicidas (1999) são seus filmes.
Carla Camurati

A atriz Carla Camurati passou para trás das câmeras com Carlota Joaquina (1995), e não parou mais, são 4 películas já, sua última incursão é a adaptação da peça teatral Irma Vap (2006).
Lina Wertmüller
Cineasta italiana, amiga de Jorge Amado, indicada ao Oscar de melhor diretora, roteirista original e filme estrangeiro por Pasqualino Sete Belezas (1975).Jane Campion

A neozelandesa se tornou conhecida com O Piano (1993) e sua Palma de Ouro em Cannes. De lá para cá fez Em Carne Viva (2003) com a polêmica cena de sexo oral.Nora Ephron

A famosa roteirista de Harry e Sally (1989), se tornou a diretora de Sintonia de Amor (1993) e Mensagem para Você (1998). Dois clássicos da sessão da tarde.Liliana Cavani

A cineasta italiana é também uma ativista política, seu ponto alto foi Francesco (1989) com Mickey Rourke, recentemente fez O Retorno do Talentoso Ripley (2002), que passou nos nossos cinemas.Anjelica Huston
Filha do lendário John Huston e ex-esposa do não menos lendário Jack Nicholson, Anjelica é uma atriz reconhecida. Os dramas Marcas do Silêncio (1996) e Agnes Browne (1999) são suas incursões atrás das câmeras.Laís Bodansky

Paulistana, Laís se formou em cinema antes de ir para trás das câmeras. Bicho de Sete Cabeças (2001) e Chega de Saudade (2008) são os resultados dos estudos.Monique Gardenberg

Assim como Glauber Rocha, nosso maior cineasta, Monique é baiana. Estudou economia antes de estrear com Jenipapo (1996) e fazer sucesso com Ó pai, ó (2007).Ana Carolina

A paulista Ana Carolina começou como assistente de direção de Walter Hugo Khoury e depois realizou Mar de Rosas (1977) e Das Tripas Coração (1982) entre outros.

Menções: Isabel Coixet, Lucrecia Martel, Claudia Llosa, Catherine Hardwicke, Niki Caro, Zoe Cassavetes e Tizuka Yamazaki . E ai faltou alguém? Qual dessas você prefere?

8 comentários:

Caio disse...

Muito bom, e as latinas tão com força total. Lucrecia Martel (A Mulher Sem Cabeça) e Claudia Llosa (La Teta Assustada), concorrendo aos principais prêmios pelo mundo.

Kamila disse...

Não conheço algumas das diretoras citadas, mas adorei ver você destacando tantas diretoras brasileiras.

Alex Gonçalves disse...

Cassiano, post estupendo! As diretoras do cinema são muito pouco valorizadas, sendo que a maioria delas demonstram em seus projetos um talento raro. Eu sempre morri de vontade de assistir aos dois filmes de Anjelica Huston e reservo certa admiração por Jane Campion, embora eu não tenha assistido quase nada dos seus trabalhos. Mas acho que você se esqueceu de Catherine Hardwicke ("Aos Treze"), Niki Caro ("Encantadora de Baleias") e de Isabel Coixet ("Minha Vida Sem Mim").

Marcus Vinícius disse...

Bem interessante o post. Também não conheço algumas, mas das citadas a Sofia é minha preferida. Tenho Lost In Translation como filme de cabeceira. E não sabia que a Angelica Houston já tinha dirigido algum filme, to surpreso com isso.

Saudações tricolores! Abs

Museu do Cinema disse...

Caio, a Lucrecia tava na minha cabeça, mas acabei esquecendo no final.

Alex, entrará nas menções, gracias!

Vinícius P. disse...

Eu colocaria a Isabel Coixet entre as principais (não apenas como menção), mas gostei muito da lista! E vi um trabalho da Lucrecia Martel recentemente, acho que ela merecia uma menção. Sofia Coppola é minha diretora favorita!

Kau Oliveira disse...

Cassiano, MUITO BOM! Sou doente pela Coppola, então fiquei feliz em vê-la aqui.

Vc não gosta da Susanne Bier??? Acho-a extraordinária. Depois do Casamento, Brothers e Corações Livres são filmes incríveis!

Abs!

Fefo disse...

Achei bem interessante sua menção à essas grande diretoras (apesar de não conhecer algumas) mas achei que ficou faltando Niki Caro que fez filme maravilhosos como Terra Fria e Encantadora de Baleias. PArabéns pelo Blog. =D