27 maio 2008

Zona do Crime

La Zona – Rodrigo Plá – 2007 (Cinemas)

Artigo 5º, parágrafo a; Em caso de violência, os moradores de La Zona perderão automaticamente todos os direitos especiais que esta lei lhes concede.

La Zona é um condomínio fechado cercado de muros altos para esconder e manter afastada os moradores das favelas vizinhas. Com leis próprias e vida independente do resto da cidade, os condôminos, em sua maioria, já sofreram com a violência urbana. E é dela que eles se refugiam quando acontece a invasão de três marginais adolescentes, que culmina com a morte de uma moradora, um segurança do condomínio e dois delinqüentes. O terceiro escapa e se esconde. Preocupados em perder seus direitos como indica o artigo 5º acima, os moradores resolvem usar as próprias mãos, e dispensar a ajuda policial, para resolverem o problema.

La Zona é uma espécie de franquia de milhões de outros condomínios fechados espalhados ao redor do mundo, e uma tendência cada vez mais forte de evitar a violência das cidades. O cineasta mexicano não faz julgamentos, mas mostra corretamente as conseqüências de uma vida isolada. Rodrigo Plá, foi o vencedor do Oscar de melhor curta estrangeiro por El Ojo en La Nuca (2001), estrelado por Gael Garcia Bernal. Com Zona do Crime ele foi premiado no Festival de Cannes de 2007 com o prêmio Leão do Futuro, dado a diretores estreantes, sempre ao lado de sua esposa, Laura Santullo, que escreveu o conto que deu origem ao roteiro do filme.

6 comentários:

Vinícius P. disse...

Não conhecia nada sobre esse filme, bela dica!

Rogerio disse...

Com os blockbusters dominando os cinemas daqui, vou esperar pelas locadoras.Valeu a dica!

Pedro Henrique disse...

Parece ser um bom filme, já tinha lido outras críticas. Mas ainda não deu as caras na terra do Imortal.

Abraço!

Kamila disse...

Romeika tinha escrito sobre esse filme, mas o comentário dela não foi positivo.

O seu texto me dá a impressão de que você achou o filme bom. Me deixou até com vontade de conferir "La Zona".

Museu do Cinema disse...

Vinicius, vale a pena, além de ser do cinema mexicano para tirar um pouco hollywood da cabeça;

Rogério, se tiver oportunidade não vacile;

Pedro, e vamos IMORTAL!!!

Kamila, é um bom filme, além disso é do cinema mexicano para tirar um pouco hollywood da cabeça como falei acima pro Vinicius.

Vulgo Dudu disse...

Já vi alguns filmes com essa temática, mas todos muito ruins. É um argumento interessantísimo, e este me parece ser um bom filme!

Abs!