29 abril 2008

Ligeiramente Grávidos

Knocked Up – Judd Apatow – 2007 (DVD)

Dirigido por Judd Apatow, novo queridinho das comédias de Hollywood, responsável pelo sucesso de O Virgem de 40 anos (2005), Ligeiramente Grávidos segue a mesma fórmula do filme estrelado por Steve Carell, aliás, era para ser um tipo de continuação com o mesmo grupo do Smart Tech, centrando a história em outra personagem daquele filme, Seth Rogen, que interpretava Cal, um dos vendedores.

Alison (Katherine Heigl) uma diretora do canal a cabo E!, acaba de receber uma proposta de ser apresentadora. Entusiasmada, ela convida a irmã mais velha, Debbie (Leslie Mann – esposa do diretor Apatow, que além da mulher colocou as filhas para atuarem ao lado da mãe) para ir a uma boate comemorar o grande momento.

Ben Stone (Seth Rogen) ainda reluta em deixar a adolescência de lado, junto a seus amigos e futuros sócios do site pornô que dá dicas de cenas de nudez de atrizes nos filmes, Ben e os colegas vão a boate para mais um dia de farra.
A partir do encontro, do sexo casual, do arrependimento e da noticia da gravidez, o filme arranca risadas das diferenças entre os dois protagonistas e o que essa relação pode render de momentos engraçados. Enquanto Heigl convence como a nova Meg Ryan de Hollywood, Seth Rogen se esforça para ser o novo Billy Cristal, mais judeu e mais debochado. O resultado é uma comédia despretensiosa, improvisada e bem humorada.

10 comentários:

Pedro Henrique disse...

Você disse: O resultado é uma comédia despretensiosa, improvisada e bem humorada.

Não gostei muito do filme, mas foi uma perfeita definição.

Abraço!!!

Rogerio disse...

Olha Cassiano, por vc nao ter detonado o filme, até já tenho mais vontade de ver.O Ramon tb gostou moderadamente. Qualquer dia confiro ele.

Museu do Cinema disse...

Pedro, acho que é bem por ai, esperava isso do filme e encontrei.

Rogério, se gostar desse tipo de filme, uma comédia, confira, terá boas risadas.

Kamila disse...

Revi "Ligeiramente Grávidos" ontem e o filme continua tão bom quanto eu me lembrava.

O filme tem aquela típica marca das obras do Judd Apatow: contam histórias que possuem esse elemento cômico, mas, ao mesmo tempo, são de uma sensibilidade. ADORO a cena em que Leslie Mann confronta Paul Rudd após descobrir o segredo dele e acho que esse momento em particular representa tudo o que eu disse sobre o cinema do Judd Apatow.

Marcus Vinícius disse...

Já era a camisa mais linda do mundo, mas com a Deborah Secco dentro ficou algo de outro mundo: http://globoesporte.globo.com/ESP/Home/foto/0,,14568930-EX,00.jpg

Putz, eu to me amarrando pra ver esse filme, mas to afim desde o lançamento. =/

Saudações, té!

Otavio Almeida disse...

É bem divertido mesmo. Adoro a Katherine Heigl e o Judd Apatow faz ótimos roteiros.

Já viu SUPERBAD??

Abs!

Vinícius P. disse...

"Ligeiramente Grávidos" foi uma das melhore surpresas do ano passado, talvez minha comédia preferida de 2007. E além da Katherine Heigl, destaco o trabalho da maravilhosa Leslie Mann.

Ramon Scheidemantel disse...

É isso aí!
Definiu bem o filme.

Abraço, e bom feriado!

Museu do Cinema disse...

O filme é bom, mas passar disso é demais.

Vulgo Dudu disse...

Eu acho essa nova patota, capitaneada pelo Apatow, muito bem preparada para a comédia. Eu gostei muito desse filme, até porque estava ligeiramente grávido na época em que o assisti.

Abs!