03 maio 2007

No Sufoco

Choke – Chuck Palahniuk – 2001 (Livro)

Ao que tudo indica o próximo livro adaptado para o cinema do excelente escritor Chuck Palahniuk será Choke, que aqui no Brasil ganhou a tradução de No Sufoco. Conta à história de Victor Mancini (que será interpretado pelo excelente Sam Rockwell), um sujeito trapaceiro que, dentre outras ações, vive se sufocando com a comida em restaurantes para receber ajuda e, invariavelmente, aplica o golpe de chorar seus problemas financeiros no intuito que as pessoas que o socorram lhe ajudem com dinheiro.

Outra “boa” ação de Mancini é de freqüentar grupos de ajuda a pessoas viciadas em sexo, não por ter o problema e muito menos para ajuda-las, sua intenção é de conhecer mulheres ninfomaníacas. Ex-estudante de medicina, sua infância foi muito problemática, graças à mãe (Glenn Close, Annette Benning e Julianne Moore estão cotadas para viver a personagem), uma mulher amalucada, que agora vive no sanatório as custas do filho.

Victor trabalha num museu a céu aberto parlamentado com trajes de época e congelado como se estivesse em 1734. Qualquer erro ou descuido, como usar um relógio de pulso, é punido com castigos físicos e humilhantes. Mas, se solidarizar com o drama de Mancini é só uma brincadeira do autor, que deixa claro o sentimento de desprezo pela sociedade.O filme será roteirizado por Clark Gregg, mais conhecido como ator. As filmagens estão marcadas para começar em junho.

10 comentários:

Kamila disse...

Clark Gregg, o marido da Christine no seriado da Warner??? Tô chocada!!!!

No bom sentido. Não esperava vê-lo no papel de diretor, e ainda mais num filme assim.

Tomara que dê tudo certo.

E, mais um livro que você recomenda que entra na listinha, Cassiano. :-)

Museu do Cinema disse...

Oi Kamila? Diretor?

Pelo que li o diretor ainda não tá confirmado!

Kamila disse...

Cassiano, me empolguei com seu post. Li que o Clark Gregg iria ser diretor do filme. Agora que prestei atenção que ele vai roteirizar o filme, o que não deixa de ser uma surpresa.

Museu do Cinema disse...

Ahhh, bom, é isso!

Marcus Vinícius disse...

A história parece ser bem interessante mesmo. Essa do grupo em viciados em sexo é um boa idéia, rsrsrs.

Tchê, como dizia uma ovelha cercada de 40 lobos: não tá morto quem peleia! Domingo é o gauchão e quarta, se tudo der certo, é seguir rumo ao tri. Abraço!

Museu do Cinema disse...

Tomara amigo que estejas com a razão, mas a frase mais certa é essa, não tá morto quem peleia!

a dos viciados é demais mesmo! ri sozinho lendo!

Túlio Moreira disse...

Cassiano, Chuck Palahniuk é muito cool mesmo! Muito bom o post!

Abração!

Museu do Cinema disse...

Valeu Túlio.

Túlio Moreira disse...

E já aguardo filme que promete ser uma obra-prima na carreira do prodígio Sam Rockwell.

abs!

Museu do Cinema disse...

Tb adoro o trabalho do Sam Túlio, desde A Espera de um Milagre.

Um ator sensacional.