29 março 2007

Trailer: Angel-A

Angel-A

Acho que um bom roteiro, uma direção satisfatória e bons atores são elementos fundamentais num filme, mas a trilha sonora e uma direção de fotografia, é, na minha opinião, a coisa mais charmosa que pode ter na 7ª arte, e acho que ela ainda é muito subestimada por alguns diretores, enquanto outros a transformam de um jeito que muitas vezes vale o filme. Quando a película é preta e branco a direção de fotografia torna-se ainda mais necessária, por incrível que possa parecer, e é justamente aqui que brilha o nome do francês Thierry Arbogast, um craque, responsável pela bela fotografia de Femme Fatale (2002).

Compararia o cineasta francês Luc Besson a M. Night Shyamalan. São dois diretores com talento inegável, mas que possuem um ego incontrolável. Besson é responsável pelo excelente O Profissional (1994), mas não conseguiu manter o alto nível na sua filmografia. Angel-A parece querer voltar ao passado e reservar em destaque o nome do francês, o filme foi sucesso na Europa e tem data de estréia no Brasil para 31 de dezembro (ou seja, sem data definida), com o título de Um Anjo da Guarda!?

O trailer é maravilhoso, as imagens lembram muito o maravilhoso Asas do Desejo (1993), do alemão Wim Wenders, assim como a história também. O enredo no trailer é auto explicativo, veja ele aqui!

12 comentários:

Vinícius P. disse...

Para começar, por que o filme se chamará "Um Anjo da Guarda"? Ao meu ver, é um título completamente absurdo - mas, enfim, vai se fazer o quê...

Também considero a fotografia como parte fundamental em um filme. Meu irmão é publicitário e meio que me ensinou a observar esses aspectos em um filme de forma mais atenta. Não é todo filme P&B que consegue ter uma boa fotografia, mas no caso desse "Angel-A" ela me pareceu excelente (até um pouco "inovadora"). Enfim, tomara que chegue logo ao Brasil.

Até mais!

Museu do Cinema disse...

A seu ver não Vinícius, todo mundo acha absurdo esse título, mas fazer o que né?

Quanto a fotografia vc tem toda a razão, eu gosto muito de observar esse aspecto nos filmes.

Abs

Túlio Moreira disse...

Bem, eu curto o cinema do Besson seja na fase francesa ou na americana - ele faz muita merda americana, mas faz merda americana melhor que os americanos.

Fiquei curioso com esse Angel-A e me pareceu uma tarefa bastante diferente do longa posterior, Arthur e os Minimoys. O filme estréia no Brasil com bastante atraso, mas enfim, espero que pelo menos chegue aos nossos cinemas!

abs e bom domingo!

Museu do Cinema disse...

"ele faz muita merda americana, mas faz merda americana melhor que os americanos".

Matou a pau Túlio!

Kamila disse...

Adoraria poder assistir ao trailer desse filme, Cassiano, mas, como sempre, eu e o Quicktime não conseguimos nos entender....

Museu do Cinema disse...

Kamila, eu gosto desse programa porque a qualidade fica excelente e ver esses trailers no you tube ninguém merece.

Veja se consegue baixar nesse link:

http://www.apple.com/quicktime/download/win.html

Alex Gonçalves disse...

Fotografia é um ponto fundamental que deveria ser melhor cuidada e aproveitada em todo bom filme que se preze. Não consigo acessar nenhum trailer neste meu computador, mas já guardei o link para vê-lo futuramente. Há, Cassiano, se você curte uma excelente fotografia, não deixe de ver o filme Honra e Liberdade, lançado no início do ano passado em DVD pela Focus.
Abraços!

No Cine Resenhas
* Comentário do filme “Uma Noite no Museu”

Museu do Cinema disse...

Valeu Alex, vou conferir esse filme, que confesso não conheço.

Maitê disse...

Mas olha se não é o verdureiro da AméliePoulain. Estou super desatualizada em relação a filmes franceses. Abs

Museu do Cinema disse...

Exatamente Maitê, é o Jamel Debbouze, de Amélie Poulain. Boa mémoria, não lembrava dele.

Alex Gonçalves disse...

Cassiano, vou lhe passar por aqui o link sobre o filme. Talvez já o tenha visto em alguma locadora:
http://adorocinema.cidadeinternet.com.br/filmes/honra-e-liberdade/honra-e-liberdade.asp

Museu do Cinema disse...

Valeu Alex, mas nunca vi esse filme não, vale a dica, vou procurar.