11 novembro 2006

Os Infiltrados

The Departed – Martin Scorsese – 2006 (Cinema)

Você quer um motivo para assistir Os Infiltrados? Jack Nicholson.

Infelizmente, é o único motivo para ir ao cinema. Vou além, e tomara que esteja errado, Scorsese levará seu primeiro Oscar, o que é uma lástima, já que o autor de Os Bons Companheiros (1990), não merecia um destino desse, ganhar a estatueta que ele tanto almejou copiando. Sim, isso mesmo, COPIANDO!

Faz tempo que não me decepciono tanto, e nunca esperei vir logo de Martin. O filme é uma refilmagem descarara do filme chinês Conflitos Internos, e para a maior parte do mundo norte-americano que não curte ler legendas, Os Infiltrados caiu como uma luva, e será justamente por isso que o nosso velho Scorsese ganhará um Oscar. A que nível ele precisou chegar por uma estatueta dourada.

6 comentários:

Kamila disse...

Cassiano, não assisti "Conflitos Internos", mas li uma crítica que dizia que, em "Os Infiltrados", Scorsese usou até mesmo os mesmos planos, locais e cenas sem mudar nada. Você que assistiu também ao filme, pode confirmar isso.

Eu, que não assisti "Conflitos Internos", achei "Os Infiltrados" um grande filme. Tenso, violento e cheio de grandes interpretações. Mas, daí para dizer que Scorsese vai ganhar o seu tão sonhado Oscar já é outra história...

Ainda aposto que ele perde de novo. Dessa vez, para Bill Condon, diretor de "Dreamgirls".

Museu do Cinema disse...

Onde leu essa crítica Kamila? Pq até agora só li de gente que nem sabe se tratar de uma refilmagem. Nâo só os mesmos planos, como os mesmos desdobramentos. Vc que viu o filme (quem não viu pare de ler aqui) lembra da cena onde Di Caprio descobre que Damon é o rato da policia vendo o papel que ele tinha escrito, pois é Kamila, essa cena é do filme original, e outras mais que se começar a falar aqui levarei o dia inteiro.

Nunca esperei algo tão mecânico de Scorsese e fiquei com muito decepcionado.

Quanto ao Oscar, acho que ele leva agora, até como forma de homenagem pelo conjunto da obra, mas, para mim, seria uma decepção e a estatueta não seria dele e sim de Wai Keung Lau e Siu Fai Mak, diretores de Conflitos Internos. Só sua indicação já seria algo sujo. Mas acho que Hollywood nunca ouviu falar da China e muito menos dos diretores que mencionei. Portanto, para eles o filme todo saiu da cabeça do diretor norte-americano.

Túlio Moreira disse...

Calma, calma. Espera ae, Cassiano. É uma refilmagem. Ponto. Como outras que o Scorsese já fez. A Época da Inocência, Cabo do Medo são remakes também mas nem por isso menos scorsesianos. Vou ver Os Infiltrados essa semana e espero discordar de você...

Kamila disse...

Li a crítica neste site, Cassiano:

http://www.cinereporter.com.br/scripts/monta_noticia.asp?nid=1633

Eu acho que você vai gostar do que ele escreveu.

Talvez o Scorsese ganhe o Oscar de melhor diretor. Talvez não. Ainda é cedo para a gente dizer isso. Como disse, ainda aposto na vitória do Bill Condon. E dizem que o novo filme de Steven Soderbergh, "The Good German", é estupendo. Vamos esperar e ver.

Museu do Cinema disse...

É Túlio, tb estou como vc indredulo, tb sou fã do Scorsese, até de suas bombas, Vivendo no Limite! Mas o filme não é uma refilmagem, é uma cópia discarada, e a única graça do filme é Jack, que tb parece podado pelo diretor, mas como Jack, será sempre Jack, se sobressaiu.

Mas antes de ver o filme, veja o original.

Museu do Cinema disse...

Kamila, belissima crítica, acabei de ler e achei perfeita, ele tentou falar tudo que pensei, mas não tive o equilibrio suficiente, já que me encontro muito decepcionado.

Quanto ao Oscar, continuo achando aquilo, ele vai ganhar, pq a academia nunca ouviu falar de Conflitos Internos, e se existe um nome que eles estão doidos para condecorar com a estatueta esse nome é Martin Scorsese.