30 outubro 2005

Parábola do Mês

Era uma vez um pequeno pardal, que congelou ao voar para o sul no inverno. Caiu no chão e para piorar, uma vaca cagou nele, mas seu estrume era tão quente que o descongelou e lá foi ele feliz, aquecido e cantando. Ai apareceu um gato faminto, ele limpou o estrume do pardal e o comeu.

Moral da história: Quem caga em você nem sempre é seu inimigo. E quem o livra da merda nem sempre é seu amigo. E se você estiver feliz e aquecido, seja quem for, deve ficar de boca calada.

* Extraída do filme Assassinos (Assassins – Richard Donner – 1995). Baseado no filme Meu Nome é Ninguém (1973).

2 comentários:

Túlio Moreira disse...

demais!!! essa vai pro meu acervo pessoal... vou assistir ao filme de Donner por causa dessa pequena - e fortíssima - parábola...

Museu do Cinema disse...

Vale a pena, a ideia do filme é dos irmãos Waschoski.