17 novembro 2019

O Poderoso Chefão II

The Godfather II - Francis Ford Coppola - 1974

No dia da comemoração do aniversário do velho Don, a família se reúne para jantar. O primogênito, Sonny, traz um convidado, Carlo, para apresenta-lo a irmã, Connie. Enquanto isso, Tessio traz o bolo. Todos sentam e conversam animadamente, quando Sonny puxa o assunto do dia - o covarde ataque dos japoneses a Pearl Harbor -, Tessio diz que 30 milhões se alistaram. É o mote para Sonny esculachar os militares, Michael provoca dizendo que aquele discurso é do pai, e solta a bomba dizendo que se alistou na Marinha. O clima fica pesado, Sonny quase bate em Michael, Tom Hagen tenta dissuadi-lo dizendo que o pai tem muitos planos para o jovem, porém Michael está mesmo decidido. O ambiente só melhora quando Connie chama todos para recepcionar o pai que acabara de chegar. Todos vão, exceto Michael Corleone, que fica sozinho na sala que até poucos segundos antes estava cheia.

O maravilhoso livro de Mario Puzo que serve de tapete para o filme, só abrange as cenas do jovem Vito Corleone (Robert DeNiro) nessa sequencia. Toda história, a partir do comando de Michael Corleone (Al Pacino), é uma história original criada pelo mesmo autor do livro.

Após concluir uma obra-prima o que fazer? Francis Ford Coppola fez essa pergunta diversas vezes, sabia ele que a Paramount iria querer uma continuação, indicou o amigo Martin Scorsese, mas não quiseram, estavam decididos a ceder todas as vontades de Coppola, que tinha várias no papel.

E assim nasceu a 2ª obra-prima, O Poderoso Chefão Parte 2, uma sequencia que muitos acham melhor que o primeiro. Dividido entre contar a história de Vito Andolini, um garoto de 9 anos que vê a mãe assassinada, foge da Sicília e vai aos EUA (lá lhe dão o sobrenome de Corleone, sua cidade), forma família e um império, para depois voltar e se vingar. E a história de Michael Corleone, herói de guerra que se recusava a entrar nos negócios da família, até ver seu pai no hospital vítima de uma tentativa de assassinato.

A saga de Vito e Michael possuem estradas semelhantes. Ambos só começam a serem respeitados após matarem um homem, tentam manter os negócios o máximo possível dentro da lei e usam a frieza como arma. Contudo essas estradas tomarão rumos diferentes.

Nenhum comentário: